Vieses inconscientes: como eles podem afetar o processo de recrutamento

3 minutos para ler

Os vieses inconscientes são esteriótipos que cada pessoa traz consigo, relacionados a impressões preexistentes que, por sua vez, são formuladas a partir de experiências pelas quais passamos ao longo da vida. Eles podem ser influenciados por diversos fatores, como lugar de criação, núcleo familiar, comunicação da mídia e vivências pontuais, entre outros.

No ambiente corporativo, é preciso manter a atenção para que os vieses inconscientes que o recrutador, gestor ou colaborador possui não interfiram nas seleções de funcionários, de modo que bons profissionais deixem de ser contratados por opiniões preexistentes e sem fundamento.

Para ajudar a entender melhor o tema, neste artigo, vamos falar sobre o assunto e mostrar alguns vieses inconscientes que precisam ser combatidos também no ambiente empresarial. Se quiser saber mais, convidamos você a continuar a leitura!

Como o vieses inconscientes podem afetar o processo de recrutamento e seleção?

O principal objetivo de um processo de recrutamento é formar um time competente, que reúna os melhores profissionais de acordo com as habilidades exigidas para exercício da função. Sendo assim, os vieses inconscientes podem comprometer a análise dos perfis, já que, por conta deles, a análise de perfil não será feita de forma isenta.

Quando o recrutador já possui vieses inconscientes e não se dá conta da influência deles em seu cotidiano, eles podem levá-lo a agir com base em prejulgamentos e fazer com que bons profissionais sejam dispensados e, até mesmo, trabalhem na concorrência.

Powered by Rock Convert

Quais são os principais vieses inconscientes?

Existem diferentes tipos de vieses inconscientes, como:

  • de afinidade: onde a pessoa tende a analisar positivamente pessoas que tenham gostos semelhantes ao dela;
  • de percepção: que ocorre quando esteriótipos são reforçados sem que haja comprovação dos fatos;
  • confirmatório: quando tende-se a considerar como relevantes dados que confirmem opiniões que a própria pessoa já possua.
  • de efeito de auréola, que é quando uma informação positiva é oferecida previamente e, por conta dela, o dado ou acontecimento seguinte é visto como verdadeiro;
  • de grupo: que induz determinada ação com base no comportamento das demais pessoas.

Como combater os vieses inconscientes?

Infelizmente, a verdade é que todos nós possuímos preconceitos, uma vez que as experiências de vida influenciam na maneira como vemos e interpretamos o mundo. Diante disso, o primeiro passo para combater os vieses inconscientes é aceitar que eles existem e, a partir disso, procurar identificar onde cada um atua.

Independentemente das opiniões pessoais de cada um, é preciso manter o respeito por todos e se esforçar para evitar os julgamentos prévios — que tanto podem trazer prejuízos para a empresa e toda a sociedade.

Agora que você já sabe o que são os vieses inconscientes e como eles são capazes de atrapalhar o bom desempenho de uma gestão bem estruturada, pode se atentar e implementar uma cultura organizacional que promova a inclusão e o fortalecimento da diversidade. Quanto mais qualificada e competente for a sua equipe, melhores serão os resultados alcançados. Sendo assim, é essencial contar com os melhores profissionais, independentemente de questões secundárias.

Agora queremos saber o que você acha. Deixe seu comentário, sugestão ou dúvida! Será um prazer saber a sua opinião.

Preconceito InstitucionalPowered by Rock Convert
Posts relacionados

Um comentário em “Vieses inconscientes: como eles podem afetar o processo de recrutamento

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.